[CENA] 15 – Outra vez na estrada

Estou aqui mais uma vez.

Que mistérios me aguardam? Que histórias para contar eu vou encontrar?

Dou meus passos cansados, mas cheios de esperança, pela estrada enquanto escuto a harmonia da natureza à minha volta. O mundo é minha plateia. Sabemos disso, você e eu. Eu estou aqui. Você já me viu antes, mas não sabia que era eu. Não sabia o quanto as coisas mudariam.

A velha capa de couro sintético ― um presente de outros tempos ― descascava pelo manejo constante, mas ainda protegia o instrumento do meu sustento. A alça se agarra ao meu corpo, amassando minhas roupas já amassadas e encardidas. Não me importo, o sorriso amarelado está sempre presente.

Há uma canção ressoando em minha mente. Uma que encontra suas notas através da memória e transmitem a emoção para almas acalentadas pela harmonia de uma vida perdida. Perdidos. Um riso. Não estamos todos perdidos buscando uns aos outros e caminhos para que possamos nos perder uma vez mais?

Encontrei a mim mesmo diversas vezes. Em algumas dócil, noutras nem tanto… Sempre acompanhado, sempre sozinho. Mas sempre. Sempre. É incrível como o sempre nos acompanha. Que mistérios podem trazer o futuro?

Frescor.

A chuva doce banha meu corpo.

Continuo caminhando. O sorriso se mantém. A água morna acaricia meu rosto. Vejo a linha do horizonte. Meu destino. Sempre. O destino. O futuro. Caminhar. Andar. Tocar. Viver. Sonhar.

Estou aqui mais uma vez…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s